Inicio>pt>Notícias>Intervenção em Contextos Recreativos

Intervenção em Contextos Recreativos

13-08-2012 16:29


Tal como tem acontecido noutros momentos, de 14 a 17 de agosto irá decorrer mais uma intervenção em contextos festivos, desta vez no no Festival Paredes de Coura. Em parceria com o Ministério da Saúde (CRI de Viana do Castelo) algumas valências do GAF irão estar presentes, nomeadamente as Equipas de Rua “Estrada com Horizontes” e “Linhas e Rabiscos” e o Centro de Atendimento Psicossocial VIH/SIDA.

O objetivo é informar e apoiar os frequentadores do festival na gestão dos prazeres e riscos associados à festa, ao consumo de substâncias psicoativas e à sexualidade. Disponibilizaremos material informativo e preventivo sobre substâncias psicoativas, doenças sexualmente transmissíveis e serviços sócio-sanitários existentes na comunidade envolvente.

Sabemos como as festas são fenómenos aglutinadores de grupos e de subculturas, que constituem-se espaços de excelência para o lazer, onde os seus frequentadores tendem a explorar algumas experiências de superação de limites e de fuga ao controlo social. É também nestes contextos, que determinadas substâncias são usadas para favorecer a procura de sentidos e o aumento da intensidade de vivência da festa. A intervenção das Equipas, assente nos Modelos da Redução de Riscos e Minimização de Danos e na Gestão de Prazeres e Riscos, aceita que o consumo de substâncias psicoativas e a sexualidade são uma realidade, defendendo práticas mais seguras e que a pessoa é capaz e deve ter comportamentos que protejam a sua saúde. Preconiza um discurso o mais neutro possível, que não negligencia a existência de prazeres, e atribui ao indivíduo a responsabilidade de decisões e ações. Procura-se com a intervenção que os indivíduos tomem decisões o mais informadas possível, reduzindo os riscos para os próprios e para a comunidade em geral.

No dia 18 de agosto marcaremos presença na Festa Sun to Sun na praia do Coral em Viana do Castelo, seguindo a mesma filosofia de intervenção.

Voltar à página de Notícias